Categoria: Família

3 motivos para você começar a estudar a imaginação hoje mesmo

Aqui nos Náufragos nós falamos bastante de imaginação.

O tema já foi explorado até em um podcast sobre o novo filme dos Vingadores!

Muita gente torce o nariz quando tocamos no assunto. Por que diabos eu preciso me preocupar com a minha imaginação? Do que esses caras estão falando?

Se esse é o seu caso, este artigo é para você.

Você precisa de férias na volta das férias?

Cristiano cresceu escutando os pais falarem, na volta das férias, que agora sim é que precisavam de descanso. Sempre aproveitavam as férias para viajar, fazer programas de todo tipo, não paravam nunca, mesmo quando passavam um mês inteiro na praia, indo da casa para a areia e desta para casa. Adoravam o tempo de férias, parecia que a vida só valia a pena nesse tempo, quando estavam em férias, eram sempre mais felizes.

Mas o retorno era sempre difícil, ele via a tristeza na expressão dos pais, a vida murchando. Continue lendo

Maturidade #1 – caminho sem volta

Maria tem 27 anos.

Há dez mora na cidade. Começou dividindo o apartamento com duas primas, mas logo a convivência ficou estremecida pois enquanto se dedicava a estudar para passar em Direito na Federal, as primas só queriam saber de maconha, cerveja e festa o dia inteiro. Para sua sorte, não sofreu muito com o vestibular, passou bem na segunda tentativa e logo que conseguiu um estágio foi morar sozinha.  Continue lendo

A crise dos 30 anos e a receita de Keith Richards: Amor, Família e Rock’n Roll

“A vida é engraçada, sabe? Sempre achei fosse viver até os 30 anos. Mais do que isso seria horrível viver. Até que fiz 31 e pensei: até que não é tão ruim.” 

Quem disse isso foi Keith Richards, do alto dos seus mais de 70 anos. Seria a cura para a crise dos 30 anos simplesmente deixar passar, fazer 31 e pronto? Bastaria suportar a sensação de que tudo parece meio que definido e o futuro será mais do mesmo que daí essa sensação passaria como veio e a vida voltaria a se abrir em possibilidades? Continue lendo

Dois remédios para dar sentido à vida

Li uma reportagem bem interessante de Emma Young, da revista Mosaic Science e publicada em português pelo El Pais, sobre o uso de drogas por adolescentes. Harvey Milkman, professor de psicologia da Universidade de Reykjavik, na Islândia, fazia residência num hospital de Nova Iorque na década de 70 quando começou a se interessar pela razão que leva as pessoas a consumirem drogas. Acredita ter encontrado a resposta. Continue lendo

Carta Aos Meus Filhos

Curitiba, 13 de agosto de 2017.

Piás,

Não faço idéia de quando e se lerão esta carta aberta. Seja como for, sempre serão meus piás, ainda que fiquem mais velhos do que eu.

Hoje é o dia dos pais de 2017. Talvez eu não demonstre, mas é um dia complicado para mim desde que o vô Bortolo se foi. Uma das coisas que me doem é que sei que o passar dos anos vai apagando a infância da memória e seu avô será lembrado pelas fotos, não por ele. A vida é assim, infelizmente. Continue lendo

Fidelidade e Dieta Afetiva

Deborah Secco traiu um, dois, três, todos os namorados que já teve. Mas todos mesmo? Sim, é verdade. Fui ver a lista dos ex da celebridade, encontrei vários famosos. Todos homens bem afeiçoados que devem ser o sonho de consumo de muita moça por aí. Tem dos mais variados gostos, mas com uma coisa em comum: todos cornos.

Porém, diz ela, que a única exceção é seu atual marido. Aposto que, assim como eu, todos que leram esse trecho sorriram. Tenho certeza que você pensou: ela traiu todos mas diz que agora não trai mais, coitado do rapaz… Por que pensamos assim? Não pode ser verdade que a atriz tomou jeito? Poder, pode – mas não parece provável. Continue lendo